Projeto do Senado pode suspender novas nucleares

by

Jornal da energia

Planos do governo preveem instalação de Angra 3 e mais quatro usinas

Crédito: Arquivo

Depois de países como Alemanha e Itália, o Brasil também pode alterar seu planejamento energético no que diz respeito à geração nuclear. Um projeto de lei em tramitação no Senado, de autoria de Cristovam Buarque (PDT-DF), prevê a suspensão da construção de novas usinas por 30 anos, em matéria que terá decisão terminativa na Comissão de Serviços de Infraestrutura (CI).

No Brasil, o Plano Nacional de Energia prevê a entrada em operação de Angra 3, além de mais quatro parques nucleares, dois no Nordeste e dois no Sudeste, programadas para as próximas duas décadas.

Outro projeto que circula no Congresso propõe que as populações dos locais das futuras usinas deverão ser consultadas antes das decisões do governo. A discussão em relação à segurança nuclear se aqueceu após o acidente da planta de Fukushima, no Japão, em março deste ano. Até o momento, porém, o governo não cedeu às polêmicas e mantém seus planos para a fonte.

Anúncios

Tags:

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: